Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



É sabido que as ervas aromáticas são uma mais valia na nossa cozinha e um excelente aliado quando se quer reduzir a quantidade de sal adicionada aos nossos cozinhados, mas será que são só esses os seus benefícios?

Não!

O tomilho é uma das ervas aromáticas mais conhecidas entre nós, mas mesmo assim poucos sabem onde a utilizar e quais a sua mais valia. Esta erva tem características expectorantes que a fazem ser uma boa aliada no combate a gripes, bronquites, pneumonia e asma; sendo que também são conhecidos os seus benefícios para aliviar sintomas de flatulência, sensação de enfartamento, acne e inchaço.

Mas onde é que se pode consumir tomilho?

O sabor do tomilho liga muito bem com carnes e massas, mas esta erva pode também ser utilizada para fazer infusões.

Infusão:

- 2 c. sopa de tomilho picado;

- 250ml de água.

Deixa-se o tomilho ferver ao lume e, de seguida, desliga-se. É aconselhável deixar esta infusão repousar cerca de 10min antes de coar as folhas de tomilho. Não beba mais do que 1 chávena desta infusão por dia. Desaconselhado a grávidas e crianças com menos de 6 anos, assim como a pessoas com problemas cardiacos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Ingredientes:

  • 1 Iogurte Natural Magro
  • 1 Colher de Sopa de Hortelã Picada
  • 1 Colher de Sobremesa de Cebolinho Picado
  • 1 Colher de Sopa de Salsa Picada
  • 1 Colher de Sopa de Sumo de Limão
  • 2 Colheres de Sopa de Azeite
  • Sal e Pimenta q.b.

 

Modo de Preparação:

1. Misturar todos os ingredientes e servir.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Até agora tenho dado algumas dicas contra o desperdícios daquelas frutas cuja nossa imaginação tem maior dificuldade em aproveitar de forma útil. Por isso, hoje trago-vos uma sugestão para o aproveitamento total dos vegetais que utiliza nas suas sopas ou refogados!

 

1. Caldo de Legumes

Junte todas as cascas dos legumes que utiliza em vários pratos num tacho com água e deixe ferver. Quando o caldo tiver um aroma intenso e cor amarelada, desligue o fogão e deixe repousar. Retire as cacas e filtre o caldo para dentro de covetes de gelo. Leve ao congelador e utilize para dar mais sabor (de forma mais saudável) aos seus cozinhados. (Diga não aos caldos de compra cheios de sal e produtos químicos!)

 

2. Chá de Casca de Cebola

Porque não utilizar a casca da cebola que utilizou ao jantar para fazer um chá de casca de cebola? Lave bem a casca da cebola e deixe-a ferver em água. O chá de casca de cebola é bom para problemas de gargante, nomeadamente rouquidão, dores de garganta ou mesmo quando se fica totalmente afónico.

 

3. Crocantes de Batata

Lave bem as cascas. Disponha a casca de batata cortada em pequenos pedaços num tabuleiro com papel vegetal. Tempere-as com óregãos, pimenta e pouco sal. Sirva como entrada do seu almoço ou jantar e verá como toda a gente vai gostar!

 

Junte o útil ao agradável e desfrute o mais que poder dos vegetais que utiliza no seu dia-a-dia. Não se esqueça que existem muitas pessoas no Mundo que não fazem sequer uma refeição por dia. Não desperdíce!

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Ingredientes:

  • 150g de Açúcar
  • 20g de Maisena
  • 2 Ovos
  • 2 gemas
  • 0,5L de Leite Magro
  • 1 colher de Aroma de Baunilha
  • 2 Iogurtes naturais magros
  • 2 Mangas aos pedaços
  • Frutos Secos

 

Modo de Preparação:

  1. Junte o açúcar com a maisena, os osvos e as gemas, mexendo bem. Junte o leite, mexendo sempre, e leve a lume brando até engrossar.
  2. Retire do lume, junte o aroma de baunilha e deixe arrefecer (mexa de vez em quando). Depois de frio junte os iogurtes ao preparado e mexa até obter um creme macio.
  3. Distribua o creme pelas taças individuais e faça camadas alternadas com os pedaços de manga, de forma a estes ficarem no topo. Decore com alguns frutos secos e sirva frio.

 

Valor Energético: 289 Kcal

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Será que todas a saladas são saudáveis? Não. Na verdade, até uma salada pode conter excesso de calorias, nomeadamente quando se utilizam molhos hipercalóricos, com muito sal e muita gordura.

A melhor opção será sempre temperar a sua salada com os tradicionais azeite e vinagre (sem exagerar). Os mais atrevidos poderão temperar as suas saladas com limão ou molhos feitos em casa à base de especiarias, ervas aromáticas ou iogurte.

E quanto aos restantes ingredientes? O que se deve utilizar para que uma salada seja uma refeição leve e saudável?

 

Caso a sua salada seja o seu prato principal da refeição, esta deverá ter sempre:

 

- LEGUMES, que são a base de qualquer salada, fornecendo-nos vitaminas, minerais, fibra, hidratos de carbono complexos e antioxidantes. (Ao consumi-los crus, a sua riqueza nutricional será maior).

 

- PROTEÍNA, que nos fornece proteína. Deverá optar por carnes magras (frango, perú, fiambre de aves), ovos, queijos magros e peixes (atum ao natural, salmão, bacalhau, delicias do mar, etc).

 

Para além disso, poderá enriquecer a sua salada com fruta fresca (maçã, ananás, pêssego, abacate, etc) ou frutos secos (nozes, amêndoas, etc). A fruta é uma óptima fonte de vitaminas e antioxidantes, ao mesmo tempo que os frutos secos apesar de muito calóricos contém ómega 3 (amigo do coração).

 

As leguminosas (como as lentilhas, feijão ou grão) também podem estar presentes na sua salada, de forma a fornecer proteína, fibras e antioxidantes.

 

Poderá também juntar 1 colher de sopa de sementes alimentares como a linhaça, chia, sementes de sésamo, sementes de girassol, entre outras.

 

E ATENÇÃO! Deverá sempre variar os ingredientes das suas saladas para usufruir dos beneficios specificos de diferentes alimentos. Não se esqueça que quanto mais colorida for a sua salada mais saudável/equilibrada ela é. Mas não abuse! A quantidade de salada que come deve ser apenas um prato (e não vale fazer uma pirâmide de comida!).

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Os dias quentes pedem gelados! E se, aproveitasse a fruta que tem em casa e fizesse gelados caseiros?! Hoje deixo-lhe algumas sugestões!

 

1# Gelado de Chá Verde e Limão

Faça chá verde. Depois deste estar feito coloque rodelas de 1 limão no chá e deixe ficar até o chá arrefecer. De seguida coloque nas covetes e leve ao congelador até solidificar.

 

2# Gelado de Melância e Morango 

(8 unidades)

  • 400g de Melância
  • 150g de Morangos
  • 1 c. de sopa de sumo de limão
  • 200ml de água

Junte tudo no liquidificador. Distribua a mistura pelas covetes e leve ao congelador até solidificar.

 

3# Gelado de Kiwi

  • 1 c. sopa de sumo de limão
  • 1 chávena de água
  • 2 c. sopa de açúcar
  • 4 Kiwis

Num tacho colocar a água e o açúcar, deixando cozinhar até o açúcar derreter e o preparado começar a ferver. Cozinhe por mais 5 minutos, mexendo. Tapar e levar ao congelador até a calda ficar fria. 

Enquando a calda estiver no frigorifico, passar no liquidificador os kiwis e o sumo de limão. Misturar com a calda. Levar ao congelador até solidificar.

 

Porque se deve optar por fazer gelados em casa?

 

1. São mais saudáveis.

2. É uma forma divertida de consumir fruta e hidratar-se.

3. Contém menos açúcar.

4. São económicos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Ingredientes:

(4 taças)

  • 40g de chocolate magro
  • 6 colheres de sopa de leite magro
  • 1 colher de chá de gelatina em pó sem cor
  • 2 colheres de chá de adoçante
  • 2 claras

 

Modo de Preparação:

1. Num tacho em banho maria coloque o chocolate e duas colheres de leite.

2. De seguida, à parte, junte a gelatina e o resto do leite. Misture bem.

3. Junte o preparado anterior ao chocolate e mexa bem até derreter tudo.

4. Retire o preparado do lume e adicione o adoçante.

5. À parte, bata as claras em castelo. Depois junte-as ao chocolate delicadamente. 

6. Separe o preparado por tigelas individuais e leve ao frigorifico.

 

Sugestão: Coloque frutos vermelhos por cima das taças, ficam mais bonitas e saborosas.

 

Valor Energético/Taça: 50Kcal

Autoria e outros dados (tags, etc)

Barra de Cereais

10.04.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Ingredientes:

- 10 morangos picados

- 3 c. sopa de farinha integral ou farinha de aveia

- 1 c. sopa de manteiga magra sem sal

- 1 c. sopa de açúcar mascavado

- 1 mão de frutos secos bem picados (a amêndoa liga muito bem com o morango)

- Sumo de meio limão

 

Modo de Preparação:

1. Forrar o fundo do tabuleiro com os morangos e regá-los com o sumo do limão. Reservar.

2. À parte misturar os restantes ingredientes até obter uma massa relativamente homogénea (se achar que está muito grossa pode juntar 1 chávena de chá de leite magro).

3. Colocar a massa por cima das camadas de morangos e levar ao forno cerca de 20 minutos a 150oC.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

O seu programa ideal para os serões é estar no sofá, a ver um bom filme e a comer pipocas? Não desespere! Não é, de todo, assim tão mau!

Um estudo americano comprovou recentemente que comer pipocas regularmente pode trazer benefícios à nossa saúde, uma vez que as pipocas são ricas em antioxidantes e fibras. Desta forma, a constituição nutricional da pipoca contribui para o combate de doenças cardiovasculares, previne o envelhecimento e ajuda a prevenir vários tipos de cancro. 

MAS ATENÇÃO! Apesar da pipoca ser um alimento saudável, há que saber como fazê-la, pois a manteiga ou o óleo utilizados para preparar pipocas são os grandes vilões para quem quer "manter a linha"! Em primeiro lugar, deve ser evitado o consumo de pipocas compradas já feitas ou das pipocas do cinema, pois estas encontram-se cheias de caramelo, corantes e outros temperos. São de evitar também as embalagens de milho que se colocam no micro-ondas (as pipocas podem ser feitas no micro-ondas, mas apenas se comprar o milho e o fizer normalmente numa tigela dentro do micro-ondas) pois essas embalagens têm mais gordrua.

 

PIPOCA SAUDÁVEL:

  • 1/2 de chávena de milho;
  • 1/4 de chávena de água;
  • Sal ou Açúcar q.b.

Num recipiente próprio para ir ao micro-ondas, coloque todos os ingredientes e misture-os bem. Cubra com papel filme e leve ao micro-ondas, na potência máxima, cerca de 10minutos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Marcação de Consultas e/ou Esclarecimento de Dúvidas

diana.educacaoalimentar@gmail.com