Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

Até agora tenho dado algumas dicas contra o desperdícios daquelas frutas cuja nossa imaginação tem maior dificuldade em aproveitar de forma útil. Por isso, hoje trago-vos uma sugestão para o aproveitamento total dos vegetais que utiliza nas suas sopas ou refogados!

 

1. Caldo de Legumes

Junte todas as cascas dos legumes que utiliza em vários pratos num tacho com água e deixe ferver. Quando o caldo tiver um aroma intenso e cor amarelada, desligue o fogão e deixe repousar. Retire as cacas e filtre o caldo para dentro de covetes de gelo. Leve ao congelador e utilize para dar mais sabor (de forma mais saudável) aos seus cozinhados. (Diga não aos caldos de compra cheios de sal e produtos químicos!)

 

2. Chá de Casca de Cebola

Porque não utilizar a casca da cebola que utilizou ao jantar para fazer um chá de casca de cebola? Lave bem a casca da cebola e deixe-a ferver em água. O chá de casca de cebola é bom para problemas de gargante, nomeadamente rouquidão, dores de garganta ou mesmo quando se fica totalmente afónico.

 

3. Crocantes de Batata

Lave bem as cascas. Disponha a casca de batata cortada em pequenos pedaços num tabuleiro com papel vegetal. Tempere-as com óregãos, pimenta e pouco sal. Sirva como entrada do seu almoço ou jantar e verá como toda a gente vai gostar!

 

Junte o útil ao agradável e desfrute o mais que poder dos vegetais que utiliza no seu dia-a-dia. Não se esqueça que existem muitas pessoas no Mundo que não fazem sequer uma refeição por dia. Não desperdíce!

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Gostava de perder peso sem recorrer a produtos quimícos que prejudicam a saúde e, muitas vezes, volta a recuperar o peso que tinha e mais uns quilinhos extra?!

Só existe uma maneira de conseguir perder peso de forma saudável e equilibrada: aliando a prática moderada de actividade física a uma alimentação saudável. A força de vontade e determinação é o principal factor para quem quer, de facto, emagrecer. Mas atenção! Volto a relembrar que tanto a actividade física como a alimentação devem ser adequadas à pessoa que a pratica, não podendo fazer aquilo que a sua amiga faz, "só porque com ela resultou".

 

Do que está à espera?! Coragem!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

 

Ingredientes:

  • 150g de Açúcar
  • 20g de Maisena
  • 2 Ovos
  • 2 gemas
  • 0,5L de Leite Magro
  • 1 colher de Aroma de Baunilha
  • 2 Iogurtes naturais magros
  • 2 Mangas aos pedaços
  • Frutos Secos

 

Modo de Preparação:

  1. Junte o açúcar com a maisena, os osvos e as gemas, mexendo bem. Junte o leite, mexendo sempre, e leve a lume brando até engrossar.
  2. Retire do lume, junte o aroma de baunilha e deixe arrefecer (mexa de vez em quando). Depois de frio junte os iogurtes ao preparado e mexa até obter um creme macio.
  3. Distribua o creme pelas taças individuais e faça camadas alternadas com os pedaços de manga, de forma a estes ficarem no topo. Decore com alguns frutos secos e sirva frio.

 

Valor Energético: 289 Kcal

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Será que todas a saladas são saudáveis? Não. Na verdade, até uma salada pode conter excesso de calorias, nomeadamente quando se utilizam molhos hipercalóricos, com muito sal e muita gordura.

A melhor opção será sempre temperar a sua salada com os tradicionais azeite e vinagre (sem exagerar). Os mais atrevidos poderão temperar as suas saladas com limão ou molhos feitos em casa à base de especiarias, ervas aromáticas ou iogurte.

E quanto aos restantes ingredientes? O que se deve utilizar para que uma salada seja uma refeição leve e saudável?

 

Caso a sua salada seja o seu prato principal da refeição, esta deverá ter sempre:

 

- LEGUMES, que são a base de qualquer salada, fornecendo-nos vitaminas, minerais, fibra, hidratos de carbono complexos e antioxidantes. (Ao consumi-los crus, a sua riqueza nutricional será maior).

 

- PROTEÍNA, que nos fornece proteína. Deverá optar por carnes magras (frango, perú, fiambre de aves), ovos, queijos magros e peixes (atum ao natural, salmão, bacalhau, delicias do mar, etc).

 

Para além disso, poderá enriquecer a sua salada com fruta fresca (maçã, ananás, pêssego, abacate, etc) ou frutos secos (nozes, amêndoas, etc). A fruta é uma óptima fonte de vitaminas e antioxidantes, ao mesmo tempo que os frutos secos apesar de muito calóricos contém ómega 3 (amigo do coração).

 

As leguminosas (como as lentilhas, feijão ou grão) também podem estar presentes na sua salada, de forma a fornecer proteína, fibras e antioxidantes.

 

Poderá também juntar 1 colher de sopa de sementes alimentares como a linhaça, chia, sementes de sésamo, sementes de girassol, entre outras.

 

E ATENÇÃO! Deverá sempre variar os ingredientes das suas saladas para usufruir dos beneficios specificos de diferentes alimentos. Não se esqueça que quanto mais colorida for a sua salada mais saudável/equilibrada ela é. Mas não abuse! A quantidade de salada que come deve ser apenas um prato (e não vale fazer uma pirâmide de comida!).

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Surgiu recentemente nos supermercador portugueses Água de Coco. Mas será que beber água de coco é uma boa opção?

Sem dúvida!

A Água de Coco da Luso tem cerca de 23Kcal por 100ml, tem um elevado poder saciante e ajuda a hidratar (podendo ser um grande aliado daquelas pessoas que não gostam de beber água). Esta bebida pode ser um grande aliado dos desportistas, uma vez que ajuda a repor mais rapidamente do que a água os níveis de hidratação e os minerais perdidos através da urina e do suor. Por outro lado, o facto da água de coco ser rica em potásio torna-a ideal no combate a cãibras e na melhoria do desempenho físico. Além disso, esta bebida ajuda também ao bom funcionamento dos intestinos, pois é rica em fibra; tem um grande poder diurético e desintoxicante (ajudando a limpar as toxinas do nosso organismo). 

Mas atenção! A água de coco tem calorias, razão pela qual não deve ser consumida sem limites! Não é aconselhável o consumo de mais de três copos de água de coco para pessoas que tenham problemas de rins ou sejam diabéticas. 

 

Do que está à espra? Vá já comprar a sua água de coco e desfrute dos seus benefícios com conta, peso e medida. (E não, eu não ganho nada por recomendar agua de coco da luso!)

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Os dias quentes pedem gelados! E se, aproveitasse a fruta que tem em casa e fizesse gelados caseiros?! Hoje deixo-lhe algumas sugestões!

 

1# Gelado de Chá Verde e Limão

Faça chá verde. Depois deste estar feito coloque rodelas de 1 limão no chá e deixe ficar até o chá arrefecer. De seguida coloque nas covetes e leve ao congelador até solidificar.

 

2# Gelado de Melância e Morango 

(8 unidades)

  • 400g de Melância
  • 150g de Morangos
  • 1 c. de sopa de sumo de limão
  • 200ml de água

Junte tudo no liquidificador. Distribua a mistura pelas covetes e leve ao congelador até solidificar.

 

3# Gelado de Kiwi

  • 1 c. sopa de sumo de limão
  • 1 chávena de água
  • 2 c. sopa de açúcar
  • 4 Kiwis

Num tacho colocar a água e o açúcar, deixando cozinhar até o açúcar derreter e o preparado começar a ferver. Cozinhe por mais 5 minutos, mexendo. Tapar e levar ao congelador até a calda ficar fria. 

Enquando a calda estiver no frigorifico, passar no liquidificador os kiwis e o sumo de limão. Misturar com a calda. Levar ao congelador até solidificar.

 

Porque se deve optar por fazer gelados em casa?

 

1. São mais saudáveis.

2. É uma forma divertida de consumir fruta e hidratar-se.

3. Contém menos açúcar.

4. São económicos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Marcação de Consultas e/ou Esclarecimento de Dúvidas

diana.educacaoalimentar@gmail.com